Segunda edição do Programa Cuidar 2020 movimenta o bairro Rio Verde

Durante aproximadamente quatro horas, os moradores do bairro Rio Verde e de áreas vizinhas puderam participar da segunda edição do Programa Cuidar em 2020, realizada no último sábado, 07, na praça da comunidade. A partir das 14 horas, famílias inteiras começaram a chegar para usufruir dos diversos serviços gratuitos, brinquedos, apresentações culturais e comidas colocados à disposição nas barracas instaladas no local.

Criado em junho de 2017, o Programa Cuidar procura levar até a população o atendimento dos diferentes órgãos da Prefeitura e ainda de instituições parceiras do Poder Público, como testes rápidos de saúde, emissão de RG, Sine, Procon, Saae, agendamento do Bolsa Família, tributação, defensoria pública, Corpo de Bombeiros, biblioteca, projetos escolares, corte de cabelo, artesanato, distribuição de pipoca, picolé e algodão doce e muitas outras ações.

Para Bianca Borges, “é maravilhoso ser jovem em Lucas do Rio Verde, principalmente quando tem esses projetos aqui nas praças, que fazem as crianças, os jovens e os adultos saírem de casa para terem lazer, poderem conversar com as outras pessoas e se divertirem”.

Acompanhada da filhinha Emily, a dona de casa Rosângela Souza declarou que morar em Lucas do Rio Verde “é tudo de bom e maravilhoso e não tenho motivo para me queixar”. Segundo ela, os filhos estudam em escolas que dão um acompanhamento especial para eles e esse tipo de programa facilita a vida das pessoas porque traz para os bairros alguns serviços que nem sempre são de fácil acesso. “Sempre que posso, eu vou, levo as crianças. Isso é muito importante e faz muita diferença, porque nem todos têm condições de ir nesses locais e aí estão vindo ao encontro da população”, ressalta.

O prefeito Luiz Binotti falou da importância de descentralizar o atendimento e aproximar o Poder Executivo da sociedade para atender a todos sem distinção. “O Programa Cuidar representa na prática toda a atenção que o Poder Público deve dedicar à população e o esforço para que todos se sintam incluídos, acolhidos e com o sentimento de verdadeiramente pertencer a este município. Cada edição é uma oportunidade de estar próximo das pessoas e de ouvir aquilo que elas têm para dizer acerca da gestão para que possamos melhorar cada vez mais os nossos serviços”, frisou.

A menina Jennifer veio de Nobres e gosta muito de residir em Lucas do Rio Verde. Para ela, a pintura facial imitando a Ladybug foi o melhor momento da participação no Programa Cuidar. “Vim com a minha mãe e as minhas duas irmãs. “Nasci em Nobres, mas gosto muito daqui porque no Dia das Crianças a gente ganha muitas coisas e é muito legal.”

Moradora há mais de 20 anos em Lucas do Rio Verde, dona Elza disse que não perderia por nada a participação no evento. “Só se eu estiver doente para não vir. É muito bom para a comunidade. Lucas está mudando muito e cada vez para melhor”, avalia.

Embora não more mais no bairro, a dona de casa Edicléia Resplandes levou a família para participar do evento. “Morar em Lucas do Rio Verde é muito gratificante, é nota 10. Aqui tudo é diferente, tudo é muito bom, a saúde, a educação, o atendimento nos postos. Não tenho nada para reclamar. Fui muito bem acolhida aqui quando cheguei”, destaca.