Secretário de Saúde de Lucas do Rio Verde testa positivo para Covid; prefeitura confirma morte de professor

O secretário municipal de Saúde, tenente Rafael Bespalez, testou positivo para a doença, está em casa cumprindo todos os protocolos de isolamento domiciliar, de quarentena e mantendo à distância o acompanhamento das ações da secretaria. A assessoria confirmou, que ele teve início dos sintomas no final de semana, passou por atendimento em uma unidade sentinela e já iniciou o tratamento com os medicamentos prescritos pelo médico. Ele passa bem.

“Peço para as pessoas que mantenham respeito uns aos outros, que levem à sério essa doença e a pandemia e que reforcem as medidas de prevenção”, pediu o secretário.

Esta noite, em nota, a prefeitura manifestou “grande pesar” pelo falecimento do professor Marcelino Espindola Dutra, ocorrido em Lucas do Rio Verde. “O professor, que enfrentava uma doença grave, acabou sendo contaminado com a Covid-19, foi internado no Hospital São Lucas, mas não resistiu vindo a óbito.  Marcelino foi professor magistério do município desde 1992 e se aposentou em 2014 pelo Previlucas. Muito querido por todos, o professor já viúvo, deixa três filhos”. “Prestamos sentimento de solidariedade e que Deus, com Sua grande sabedoria, conforte os familiares e dê forças neste momento tão difícil”, manifestou.

Lucas tem 20 mortes em decorrência da doença.