Cuiabá marca no fim, vence Paysandu nos pênaltis e é bicampeão da Copa Verde

O Cuiabá venceu o Paysandu no tempo normal, por 1 a 0 e nos pênaltis por 5 a 4 e conquistou o título da Copa Verde. Em emocionante partida no estádio do Mangueirão, em Belém (PA), a equipe mato-grossense conseguiu reverter a desvantagem do jogo de ida, quando perdeu por 1 a 0 e levou a decisão para os pênaltis. O gol da vitória no tempo normal, foi marcado no último minuto de jogo, através do lateral esquerdo Paulinho, de cabeça. O time do Mato Grosso já havia conquistado a Copa Verde, em 2015.

Nas cobranças de pênaltis Edinei, para o Cuiabá, e Caíque, para o Paysandu, desperdiçaram. Nas alternadas, Felipe Marques anotou para os mato-grossenses, enquanto que Nícolas, do papão chutou no travessão.

Com a conquista da Copa Verde, o Cuiabá, que já estava classificado para a Copa do Brasil em 2020, entrará diretamente nas oitavas de final da competição nacional. Com isso, assegura a cota inicial de R$ 2,5 milhões por participação nesta fase e abre mais uma vaga para o estado, que deve ser ocupada pelo União de Rondonópolis, terceiro colocado na Copa Mato Grosso.

Antes de encerrar a temporada, o Cuiabá ainda tem pela frente dois jogos pelo Campeonato Brasileiro da Série B. O próximo é no sábado (23), contra o Botafogo paulista, em Ribeirão Preto (SP). O Dourado encerra participação na competição nacional no dia 30, contra o Vila Nova, na Arena Pantanal.