Corpo de homem que se afogou é resgatado pelos bombeiros

O corpo de Abadias Felipe, 30 anos, foi localizado, esta manhã, pelos bombeiros, nas águas do Rio Verde, próximo da ponte de acesso a comunidade Moroco, distante cerca de 5 quilômetros do centro da cidade. O homem estava sendo procurado desde o último sábado, quando desapareceu. O corpo estava enroscado em galhos de árvores. “Devido ao tempo do ocorrido o corpo estava enroscado em uma galhada e foi fácil o acesso. Trouxemos às margens para facilitar o trabalho da perícia. As buscas submersas começaram no sábado, se estenderam no domingo e hoje seriam feitas buscas por superfície. Temos poucas informações sobre o afogamento, segundo informações, ele não sabia nadar”, explicou um soldado do Corpo de Bombeiros.
Uma equipe da Politec Sorriso está no local para fazer a necropsia.
Abadias residia em Lucas e trabalhava em uma empresa no setor de prestação de serviços.
Ele estava com um grupo de pessoas e passou a noite ingerindo bebida alcoólica. Pela manhã, o grupo foi até o rio com a intenção de tomar banho. O rapaz teria apenas tirado os sapatos e pulou da ponte, contrariando o restante do grupo. Ele chegou a pedir socorro, quando começou a se afogar. Um dos integrantes do grupo foi ao seu encontro, mas não conseguiu fazer o resgate.
Apesar de passarem juntos a madrugada, o grupo disse não ter muita amizade com o rapaz que desapareceu, sabendo apenas que o primeiro nome seria Abadias e que trabalhava no setor público.