Droga, som alto e briga por aluguel movimentam o setor policial

Por volta das 23h da noite desta segunda-feira (06), uma viatura da PM estava em rondas pela Avenida da Produção, quando próximo a um posto de combustíveis foi visualizado uma dupla em atitude suspeita e ao avistar a guarnição, teriam ficado nervosos.
Eles foram abordados e em revista pessoal foi encontrado com um deles, dois papelotes de maconha, R$ 260,00 em dinheiro e um celular. Com o outro abordado, foi encontrado R$ 378 em dinheiro e outro celular. Este teria dito que tinha saído da cadeia há cerca de 15 dias.
O primeiro suspeito disse que a maconha era para seu consumo. Os dois foram encaminhados para a delegacia de polícia.

Um homem compareceu no Batalhão da PM por volta das 14h30 de ontem (06), informando que é morador do Loteamento Bom Jesus, e que um morador por várias vezes costuma consumir bebida alcoólica e ouvir música e volume alto e que por vezes o ato estende-se madrugada adentro.
Ele disse que a PM já foi acionada e junto com outros moradores já tentaram conversar com o homem, se segundo ele, sempre tem um comportamento bastante agressivo, inclusive proferindo ameaças a ele e a uma outra moradora que teria pedido para ele baixar o som, sendo inclusive xingada com palavras de baixo calão.
Quando a PM foi até o local indicado, moradores informaram que minutos antes da chegada da viatura, o homem desligou o som.
Diante da manifestação de vários moradores sobre o caso, o som foi apreendido e o homem encaminhado para a delegacia para as medidas necessárias.

Um homem procurou a Polícia Militar afirmando que ao chegar em casa nesta segunda-feira (06), por volta das 21h, o dono do imóvel alugado teria ido lhe cobrar o aluguel, que tinha vencido nesta data.
O inquilino disse que não teria recebido o salário. O dono da casa teria desligado a energia do imóvel e com isso gerou uma discussão entre eles.
O proprietário disse que o aluguel estava vencido há dois meses e que já havia pedido a casa ao inquilino.
Os ânimos se exaltaram e os dois quase entraram em vias de fato. Diante da situação, eles foram encaminhados para a delegacia de polícia.