Sinop, Sorriso, Lucas do Rio Verde e Nova Mutum receberão mais de 6,7 mil doses de vacina contra Covid

Sinop, Sorriso, Lucas do Rio Verde e Nova Mutum receberão 6.730 doses da vacina contra o Coronavírus, referentes a primeira remessa. A definição consta na resolução que aprovou a operacionalização quanto à distribuição, armazenamento e aplicação das vacinas aprovada pela Comissão Intergestores Bipartite de Mato Grosso da secretaria estadual de Saúde que Só Notícias teve acesso.

De acordo com o documento para Sinop serão 3.667 doses na primeira etapa, sendo 3.274 para trabalhadores da saúde do município, 385 para profissionais do Estado, e as demais para outros grupos englobados.

Já Sorriso receberá 1.451 vacinas, Lucas do Rio Verde ficará com 960 doses, enquanto Nova Mutum terá 652 disponíveis. De acordo com o documento, a guarda das vacinas deverá ser realizada pelos municípios respeitando as condições de armazenamento estabelecidas pela fabricante e Agência Nacional de Vigilância Sanitária e com o apoio da segurança pública.

Já o critério de distribuição das vacinas seguiu a prioridade da imunização dos vacinadores da atenção básica, dos hospitais pactuados, trabalhadores de institutos de longa permanência para idosos, indígenas aldeados acima de 18 anos, idosos acima de 60 anos institucionalizados e pessoas com deficiência institucionalizadas.

O número representa as duas doses que serão distribuídas. Num primeiro momento, somente a primeira será enviada, e o lote com a segunda dose deve ser encaminhado no prazo de 10 a 15 dias. As aplicações das vacinas deverão ser obrigatoriamente registradas no Sistema do Programa Nacional de Imunização.

Em nota, a assessoria da prefeitura de Sinop detalhou que a previsão é que amanhã o primeiro lote chegue no município. O envio, sob organização da secretaria de Estado de Saúde, deve ser aéreo, operado pelo Centro Integrado de Operações Aéreas , no entanto, ainda não há confirmação do horário de saída e chegada.

Além disso, após a chegada, o lote deve ser destinado diretamente ao Escritório Regional de Saúde, para checagem e posterior distribuição aos municípios que compreendem o polo, conforme orientação. Essa distribuição será agendada e deve ocorrer entre quinta e sexta-feira.

O governo do Estado informou, esta tarde, que foram encaminhados por aeronaves do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) os imunizantes para as regionais de Rondonópolis, Diamantino, Tangará da Serra, Pontes e Lacerda e Cáceres.  Também vão receber a vacina via transporte aéreo as regionais de Sinop, Peixoto de Azevedo, Juara, Alta Floresta, São Felix do Araguaia, Porto Alegre do Norte,  Água Boa, Barra do Garças, Juína e Colniza.

São contempladas na primeira fase da vacinação, de acordo com o direcionamento do Ministério da Saúde, trabalhadores da saúde que atuam na linha de frente do combate ao coronavírus, pessoas idosas com 60 anos ou mais que vivem em asilos e/ou instituição psiquiátricas e povos indígenas vivendo em aldeias. Mato Grosso vai garantir as duas doses da vacina ao grupo prioritário compreendido nesta fase, sendo o prazo de 14 a 28 dias para a aplicação da segunda dose.