PM atende duas ocorrências de agressão familiar

Por volta as 15h50 deste domingo (04), uma mulher foi até ao Batalhão da Polícia Militar, relatando ter sido agredida por seu esposo. Segundo ela, a discussão começou no final na tarde por motivo fútil, onde a mulher deu um empurrão no homem, que teria revidado e a agredido.
Ela disse que o marido é muito agressivo e ao chegarem no local os militares abordaram o suspeito, fizeram a busca pessoa e o algemaram.
Testemunhas relataram outra versão, onde a mulher é quem teria começado as agressões, inclusive desferindo uma garrafada no rosto do homem e arranhões em seu braço. Diante das circunstâncias, ambos foram encaminhados para a delegacia de polícia. Sendo que a mulher estava com escoriações no pescoço e o homem com um hematoma na sobrancelha e arranhões no braço.

Ainda no domingo (04), uma guarnição da Polícia Militar foi atender a um desentendimento familiar entre mãe e filhas, onde em um determinado momento, um homem ao tentar separar o tumulto, acabou agredindo as suspeitas com tapas no rosto, com a parte dorsal de um facão e com vários socos nas envolvidas.
O homem alegou que as suspeitas tentaram lhe agredir fisicamente. Consta no boletim de ocorrência que todos os envolvidos estavam com lesões corporais, provenientes das agressões. Todos foram encaminhados para a delegacia, juntamente com o facão apreendido.