Tatiani Dal Canton, de 38 anos, era natural de Mangueirinha, no Paraná, e atualmente residia em Lucas do Rio Verde. Ela morreu, na última terça-feira, em acidente envolvendo um Volvo VM 220 branco, com placas de Matupá, uma Scania R540 vermelha, com placas de Campestre da Serra (RS), e um Fiat Strada branco, com placas de Lucas.

O acidente ocorreu nas proximidades do quilômetro 873 da BR-163, a cerca de 40 km do centro, de Sinop, sentido a Itaúba. A versão que passa a ser apurada é de que os três veículos seguiam no mesmo sentido.

O utilitário era conduzido por um homem, que ficou preso às ferragens e foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros ao Hospital Regional Jorge Abreu. Ele não foi identificado e também não há detalhes sobre o atual estado de saúde.

Segundo uma testemunha, a carreta estava na frente e teria diminuído a velocidade, já que havia um caminhão quebrado na via. O condutor do utilitário, que estava logo atrás, também diminuiu, mas acabou sendo atingido pelo caminhão-tanque e jogado na traseira da carreta.

Só Notícias

<< Matéria anteriorAlan Togni pretende dar continuidade aos projetos em andamento na secretaria de agricultura.
Próxima matéria >>Polícia Civil anuncia novo delegado para Lucas do Rio Verde