Morre criança baleada na cabeça em Lucas do Rio Verde

A menina, de 3 anos, morreu hoje de madrugada no Hospital Regional de Sorriso. Ela é uma das três vítimas que foi baleada na cabeça, nas proximidades da comunidade Morocó, em Lucas do Rio Verde, ontem à tarde. As outras duas (avó, de 45 anos, e filho, de 26 anos) continuam internadas no hospital São Lucas e não há confirmação se correm risco de morte.

A menina era neta do homem que foi executado ainda no local. Ele foi identificado como Eduardo Ferreira dos Santos 45, de anos.Os dados do sepultamento ainda estão sendo defendidos.

Uma das vítimas contou aos policiais no momento que era socorrida que os disparos foram feitos por ao menos quatro suspeitos que chegaram na propriedade em um VW Gol vermelho. De acordo com o boletim de ocorrência a mulher que era esposa de Eduardo Ferreira relatou que ele chegou a afirmar aos criminosos antes dos disparos que “agora vocês vieram aqui para ‘atazanar’ minha família”.

O homem baleado – filho do casal – também confirmou aos policiais que tentou revidar a agressão e acertou um tiro em um dos suspeitos com revólver, que foi apreendido com outras duas espingardas que estavam na residência.

Uma testemunha também afirmou aos militares que pouco antes do crime os criminosos teriam ido pescar na propriedade da vítima e acabaram entrando em discussão. Depois disso, saíram com veículo e podem ter retornado para cometerem o crime.

O motivo do conflito ainda é desconhecido e será investigado pela Polícia Civil. Um celular foi encontrado no terreno e poderá ajudar identificar os suspeitos