Lucas do Rio Verde é a 2º com população acima de 30 mil habitantes com mais lesões no trânsito

O anuário estatístico de trânsito da secretaria Estadual de Segurança Pública aponta que Lucas do Rio Verde teve 101 lesões corporais culposas (não intencional) no trânsito, em 2019, e é a segunda com maior número de ocorrências em município acima de 30 mil habitantes, no Estado. A média é de 8,41 acidentes/mês e representa uma taxa de 15,93 para cada grupo de 10 mil habitantes.

No mesmo ano, Sinop teve 872 lesões corporais culposas e é a segunda com maior número com população acima de 100 habitantes, com média de 2,3 acidentes ao dia e 76,3 ao mês. O número representa uma taxa de 609,81 para cada grupo de 100 mil.

Cuiabá ficou em primeiro lugar no ranking com 2,306 mil, com taxa de 376,46 para cada 100 mil habitantes. Em terceiro lugar está Várzea Grande, 816 acidentes com lesões, média 286,34. O anuário apontou que Rondonópolis tem 588 e a taxa é de 252,91 para 100 mil habitantes. Os números de mortes não foram apresentados.

O anuário contém informações fornecidas pela secretaria de Segurança Pública, Sistema Nacional de informações de Segurança Pública e dados do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).