Jogo único torna decisão na Copa Verde mais ‘difícil’, diz técnico do Luverdense

O treinador do Luverdense, Eduardo Henrique disse, em entrevista coletiva, acreditar que o fato das primeiras fases Copa Verde serem em jogo único torna a decisão ainda mais difícil. O time estreia na competição regional no dia 24, às 16h. O adversário sairá do confronto entre Brasiliense e Vitória (ES), no dia 20.

“É difícil ser jogo único, porque você não pode errar, mas é importante jogar em casa, não tem vantagem para nenhuma equipe, empate é pênalti”, analisou o técnico.

Ainda de acordo com Eduardo Henrique, é necessário estudar os possíveis adversários. “Colocar a nossa equipe no plano tático que esperamos para ganhar essa partida. A tradição que o Luverdense tem na competição, jogando dentro de casa, tem que buscar essa classificação”, completou.

O Luverdense já contratou 23 atletas para disputa, além da Copa Verde, do Campeonato Mato-grossense e Copa do Brasil. O ano do Verdão do Norte deve ser marcado por reestruturação e já começou com mudança na presidência. Guilherme Lawisch renunciou e Jaime Binsfeld assumiu o posto.