Jaime Binsfeld deve ser presidente do Luverdense a partir de janeiro

O Luverdense deve começar a temporada de 2021 com ar de renovação. O atual vice-presidente, Jaime Binsfeld confirmou, em primeira mão, que a partir de janeiro deve ser o novo presidente do clube, assumindo no lugar de Guilherme Lawisch, que renunciará ao cargo. A atual diretoria foi eleita em dezembro de 2019, por  aclamação.

Uma reunião hoje à tarde entre Jaime e outros diretores deve definir os últimos detalhes da mudança. A expectativa é que na próxima semana já iniciem os trabalhos de transição, montagem de grupo para disputa da Copa Verde, Copa do Brasil e Mato-grossense.

Além disso, a diretoria já planeja manter alguns jogadores que conquistaram a vaga para a Copa do Brasil e 3º lugar do Estadual, diante do Dom Bosco. Os nomes, no entanto, ainda não foram revelados. Também deve ser discutida, a partir da próxima semana, a montagem da comissão técnica.

Segundo Jaime, a nova diretoria deve focar, entre outros pontos, na reestruturação do Luverdense e ir em busca de novos patrocinadores, visando montar um time competitivo para todos os campeonatos, mas conciliando com equilíbrio financeiro.

À época que Guilherme foi eleito, em 2019, a expectativa do então presidente, Helmute Lawisch, já era que Jaime (então vice-presidente) disputasse a presidência e o sucedesse.