O processo de extensão da Ferronorte, de Rondonópolis a Lucas do Rio Verde, avançou nesta sexta-feira (03). No Palácio do Paiaguás, em Cuiabá, o Governo do Estado realizou a abertura da proposta da empresa interessada em atuar no trecho ferroviário.

A Rumo Logística, concessionária que atua no setor ferroviário, foi a única empresa que apresentou proposta para construção e atuação no novo trecho de 730 quilômetros entre os municípios de Mato Grosso. A partir de agora, o Estado inicia outra fase do Processo de Chamamento Público, que é a análise da documentação. A previsão é que o resultado final saia em 15 dias.

O novo trecho, tratado como Ferrovia Estadual, deve integrar diversos municípios de Mato Grosso à malha ferroviária nacional, em direção ao porto de Santos (SP).

Miguel Vaz, prefeito de Lucas do Rio Verde, se mostrou confiante com o próximo passo do Chamamento Público, que é a homologação com a empresa, caso ela apresente todos os requisitos previstos no edital do Estado.

“A torcida é muito grande, agora com essa etapa vencida, temos uma outra importante etapa final. Esperamos que seja concretizada a assinatura do contrato, e logo inicie a execução da obra”, disse o prefeito.

Na última quinta-feira (03), no Palácio do Planalto, Mauro Mendes, governador de Mato Grosso, e Tarcísio Gomes de Freitas, ministro da Infraestrutura, assinaram acordo de cooperação técnica para dar segurança jurídica ao projeto da primeira Ferrovia Estadual.

“Com essa assinatura, o Governo Federal valida essa decisão do Governo do Estado, do chamamento público e isso reforça a legalidade desse processo. Com isso, a gente fica mais próximo da concretização desse projeto de execução, dessa importante ferrovia que é a extensão da Ferronorte, de Rondonópolis a Lucas do Rio Verde”, destacou Miguel.

<< Matéria anteriorComissão Especial avalia retorno presencial de crianças de dois anos às creches municipais
Próxima matéria >>Com o início das chuvas, prefeitura de Lucas disponibiliza mudas para a população